segunda-feira, julho 14, 2014

MÚSICA ERUDITA LOCAL, NACIONAL E INTERNACIONAL EM FOCO

Com mais de 100 ações artísticas e acadêmicas, a série de eventos MAB - Música de Agora na Bahia volta com patrocínio da Petrobras e um ano e meio de duração

OCA (Oficina de Composição Agora), organizador do MAB. Ft: Emilio Le Roux
Realizado pela primeira vez em 2012, a série de eventos MAB - Música de Agora na Bahia volta a partir de hoje em edição maior e mais ambiciosa, com uma programação que se estenderá por nada menos que 18 meses, até dezembro de 2015, com patrocínio da Petrobras, via seleção pública de Redes de Música do Programa Petrobras Cultural.

Dedicado a divulgar a produção da música de concerto (ou erudita) contemporânea criada na Bahia, no Brasil e no mundo, o MAB trouxe à cidade, em 2012, nomes significativos deste cenário.

Entre eles, o pianista belga Daan Vandewalle, o compositor português João Pedro Oliveira, a alemã Farnziska Schroeder e os norte-americanos Jon Appleton (um dos criadores do sintetizador) e Paul Botelho.

Para esta edição, ainda não foram divulgados nomes internacionais, mas já há três bons eventos na programação, que está só começando.

Ensemble MAB. Foto: Lia Sfoggia
A abertura do projeto será hoje a noite, no Salão Nobre da Reitoria da Ufba, com o MAB Ensemble, grupo criado especialmente para esta edição do MAB, executando peças de autores contemporâneos baianos, como Paulo Costa Lima, Alexandre Espinheira, Paulo Rios Filho, Guilherme Bertissolo, Túlio Augusto, Alisson Gonçalves, Joélio Santos e Danniel Ferraz.

Os membros do MAB Ensemble foram selecionados entre alguns dos melhores músicos da Orquestra Sinfônica da Bahia (Osba), portanto, a atuação certamente será de alto nível, confira: Lucas Robatto (flauta), Vladimir Bomfim (violão), Pedro Robatto (clarinete) e Fernanda Monteiro (violoncelo)

Depois de amanhã, o segundo evento: uma Projeção Sonora Especial, com a apresentação de obras eletrônicas e interativas, projeção de vídeos e a participação do DJ João Meirelles, ele mesmo compositor de música contemporânea e colaborador do MAB.

Nas projeções sonoras, as peças musicais são reproduzidas em sistema de som quadrifônico, “cercando” o ouvinte com o som, quase sempre acompanhado de projeções visuais e / ou performances.

O outro evento previsto é ainda em setembro, com o lançamento de uma série de concertos em cidades do interior do estado.

O primeiro será no Teatro Cidade do Saber em Camaçari, no dia 3 de setembro, com o MAB Ensemble. Entre os eventos desta semana e este último, outros surgirão. Para acompanhar, vale seguir o MAB nas redes sociais.

Mas nem só de concertos será feito o MAB 2014-15.

Serão mais de mais de cem ações artísticas e acadêmicas, incluindo palestras, recitais em escolas públicas, intervenções performáticas, seminários, workshops, concursos de composição locais e um latino-americano, além da concessão de bolsas para estudantes da rede pública e para compositores de outros estados do Brasil.

O MAB é uma realização do coletivo de músicos baianos OCA (Oficina de Composição Agora).

Concerto de Abertura MAB – Música de Agora na Bahia 2014-15 / Com MAB Ensemble / Hoje, 20 horas / Salão Nobre da Reitoria da UFBA / Gratuito

3 comentários:

Franchico disse...

Oh meu deus mataram o Archie!

http://www.bleedingcool.com/2014/07/14/archie-to-die-taking-a-bullet-for-kevin-keller-same-sex-marriage-gun-rights-beloved-childhood-character-internet-start-your-engines-gay-lgbt-comics/

Filhos da puta!

Rodrigo Sputter disse...

http://entretenimento.uol.com.br/noticias/redacao/2014/07/11/batgirl-recebe-visual-hipster-e-tira-selfies-em-nova-hq.htm

rodrigo sputter disse...

http://noticias.uol.com.br/tabloide/album/2014/06/22/voce-ja-viu-velorios-como-estes.htm

se a moda pega...fico imaginando o velório de uma atriz pornô...