quarta-feira, fevereiro 04, 2009

BEM-VINDA MELANCOLIA

Dois Em Um, uma das mais gratas novidades musicais da Bahia, faz shows de lançamento

A Bahia tem muito mais mistérios do que supõem seus célebres artistas e pais-de-santo. Um dos mais intrigantes surgidos ultimamente é o duo Dois Em Um, que lança seu primeiro disco autointitulado com dois shows no cabaré do Teatro Vila Velha, sábado e domingo.

O mistério fica por conta do próprio som do Dois Em Um, fomado por Luisão Pereira e Fernanda Monteiro: intimista, sussurrado, sutil, melodioso e quase sempre etéreo.

Numa terra em que a sutileza tem pouco lugar em meio ao frenesi festeiro que assola corações e mentes dos soteropolitanos, as melodias doces e os arranjos aparentados da bossa nova do Dois Em Um soam, senão quase alienígenas na Salvador contemporânea, como um bem-vindo refresco melancólico para a alegria compulsória pra turista ver que é a marca do verão baiano.

“Não sei como o Dois Em Um pode ser absorvido. Não sei onde a gente se encaixa ou como podemos encontrar um lugar ao sol da Bahia“, reflete Luisão. “Mas o retorno tem sido muito bom, de qualquer forma“, garante o músico.

Tem mesmo. Surgida de forma despretensiosa há pouco mais de um ano, foi só postar algumas músicas no site de relacionamentos MySpace, que as coisas começaram a acontecer para a dupla.

Em questão de quatro meses, já tinham contrato com um selo independente de Nova Jersey (EUA). Na sequência, o selo indie carioca Midsummer Madness também se interessou pela dupla. O resultado é o CD que já está a venda on line ou em algumas lojas da cidade, como Mídia Louca (Rio vermelho e Pelourinho), Pérola Negra (Canela) e Tom do Saber (Rio Vermelho).

Velocidade Caymmi – Mal o CD saiu, resenhas apaixonadas começaram a pipocar pelos jornais e internet, bem como convites para apresentações pelo Brasil.
Mas o casal, pés firmemente fincados no chão, prefere ir com calma, sem deslumbre.

“Ja rolou convite pro festival Humaitá Pra Peixe e pra abrir pro Marcelo Camelo no Circo Voador, no Rio. Também recebemos convite para ir tocar em São Paulo, mas infelizmente, as datas bateram com apresentações de Fernanda com a Orquestra Sinfônica da Bahia (Osba), com a qual ela toca violoncelo. E a prioridade dela é a Osba“, conta Luisão, sozinho em casa, enquanto a musa e parceira visita a família no Rio.

“E depois, como nosso som é muito sutil, muito intimista, não vamos entrar em qualquer roubada, tocar em qualquer lugar. Não tamos nessa de ir com muita sede ao pote. Nossa maior vontade é fazer a nossa música“, delimita, com razão.

Quem esteve nas suas apresentações anteriores em Salvador pôde perceber a diferença que faz tocar em locais adequados ao som da dupla.

No Teatro Casa do Comércio, em novembro, quando ganharam o prêmio Bahia de Todos os Rocks de Música do Ano (com E Se Chover?), todos puderam ouvir a sutileza dos arranjos e a voz sussurrada de Fernanda sem esforço.

Já poucos dias depois, abrindo para Bonnie “Prince“ Billy na Boomerangue, o burburinho do público suplantou o som da Dois Em Um, frustrando muita gente.

“No nosso caso, em que precisamos de 100% do PA e o baixo e a bateria são pré-gravados, necessitamos muito das caixas“, observa.

De imediato, os planos da Dois Em Um são divulgar o disco a medida que der e concluir os dois clipes que estão em andamento, co-dirigidos por Alexandre Xanxa Guena e Rodrigo Luna.

“Estão rolando as coisas, mas nós vamos devagarinho. As pessoas tão cobrando e tal, mas temos que ir na tranquilidade“, pontua.

Dois em Um
Show de lançamento do CD
Sábado (7) e domingo (8), as 20 horas
Cabaré do Teatro Vila Velha (3083-4600)
Av. Sete de Setembro, s/n, Passeio Público, Campo Grande
R$ 16 e R$ 8
CD no stand: R$ 10
Informações e vendas on line:
www.doisemum.com e www.mmrecords.com.br

16 comentários:

Franchico disse...

Parece que a notícia (dada por mim mesmo ontem, no caderno Dez) sobre a morte do Rock Sandwich foi um tanto exagerada.

Não me perguntem. Sinceramente, estou de saco cheio e não quero mais saber dessa história. Lavo minhas mãos.

Segue email recebido hoje. Abre aspas.

Nota importante sobre o GOTH-O-RAMA.

Informamos que, apesar dos recentes relatos sobre o fechamento da Rock Sandwich o evento Goth-o-Rama transcorrerá normalmente conforme divulgado, sendo que houve apenas uma mudança no gerenciamento do local, que não irá encerrar suas atividades.

E nessa sexta-feira 6/02 teremos a ESTRÉIA do GOTH-O-RAMA.

+ Latromodem (novo projeto do vocalista da Almas Mortas)

+ Discotecagem:
Vertigo (Especial Pos Punk)
Letargico (Especial Clan of Xymox)

+ Exposições:
Ilustrações de Victor Hugor Borges (SP) e Alexandre Matos – Morcego Raposa (RJ)
+ Stands e Sorteios
Maiores Informações: http://www.goth-o-rama.blogspot.com

Realização:
Raven Produções
ravenproducoes@yahoo.com.br

teclas pretas disse...

rapaz, fernanda tem muita classe. uma verdadeira lady. ela e luisão merecem colher todos os bons frutos desse trabalho.

GLAUBEROVSKY

Anônimo disse...

Bem vindo o tédio...

2 em 1, Penelope, Cravo negro, nada vai pra frente sem a ajuda dos amigos de Luisão.
TALENTO que é bom, nada, agora essa chatice modernosa. Esse cara tem que deixar de ser tão pretencioso.

Mirdad disse...

Lembrando que o Dois em Um levou tb a figa rock'n'roll de Ano 1 - 2008.

Teve gente questionando isso, pq o duo foi formado antes de outubro de 2007, mas o regulamento previa que pra ser Ano 1, era preciso ser formado a partir de janeiro do ano anterior, ou seja, pro Ano 1 - 2009, estão concorrendo projetos formados a partir de janeiro de 2008.

Chicão, relaxe, meu velho. Rock pra frente e estamos com você.

Abs!

osvaldo disse...

PARA TUDO!
Morre Lux Interior, vocalista da banda punk Cramps

http://www1.folha.uol.com.br/folha/ilustrada/ult90u499272.shtml

Franchico disse...

PUTA MERDA, HEIN!?!

Anônimo disse...

Luisao tirava maior onda na epoca da Penelope.Depois voltou pianinho pra cá...

Roberta disse...

Quanto eles estão pagando pela divulgação? De uns meses pra cá é só isso que vocês querem empurrar para nós. Ainda bem que não é axé, mas não deixa de ser chato pra caralho!

teclas pretas disse...

tô tão triste com a morte de lux, que não dá nem pra falar nada. lux interior = interior luxuoso. pra sempre.

GLAUBER

osvaldo disse...

que as pessoas nao gostem do trabalho do dois em um, tudo bem, é um direito das pessoas. mas partir para questões pessoais, ainda mais de forma anonima, ta por fora.

Franchico disse...

Oi, Roberta, tudo bem?

Olha, quanto eles estão pagando pega mal divulgar por aqui, mas caso interessem os serviços da Rock Loco & Friends Corporation, vc pode entrar em contato com o nosso departamento comercial pelo email fazemosqualquernegocio@rockloco.com.br.

Obs: só aceitamos pagamento em espécie. Qualquer espécie.

osvaldo disse...

alias franchico, o que vamos fazer com o jabá bilionario pago aqui pro rock loco. ferias em saint tropez ou no taití? londres ou paris? nazaré das farinhas ou poções?

Nei Bahia disse...

Oswaldão, com a soma milionária paga em troca do Loby artistico-cultural(será que ainda tem hyfen?), minha sugestão é o Balneário de San Tomé de Paripê ( obs: tem que fazer biquinho pra pronunciar corretamente)onde podemos com sorte jogar conversa fora com o alcaide maior e a luxuosa primeira dama, claro, por cima do muro.

Mirdad disse...

Qualquer espécie ou espécime?

Franchico disse...

Espécime, só do gênero feminino. E cheiroso. (Se a patroa lê isso aqui - e ela lê - eu apanho em casa!)

Nei Bahia disse...

Senhora dona Patroa de Chicão:
Libere o rapaz, que isso tudo é figura de retórica.