terça-feira, junho 07, 2011

SEGUNDO VOLUME DA SÉRIE TORRE NEGRA EM HQ É RELANÇADA EM CAPA DURA

Conhecido pelas longuíssimas e detalhadas narrativas de terror, o escritor norte-americano Stephen King tem, na série de livros Torre Negra, sua maior obra. São sete volumes, totalizando mais de 4 mil páginas.

Como se não bastasse, a Marvel Comics lançou, em 2007, uma série em HQ que serve como prelúdio à Torre Negra. O segundo volume desta série, O Longo Caminho para Casa, acaba de chegar às prateleiras das livrarias.

Em capa dura, O Longo Caminho sucede Nasce o Pistoleiro, primeiro volume da série da Marvel.

Ambos já foram publicados no Brasil entre 2008 e 2010 em edições avulsas nas bancas, pela Panini Comics, e agora chegam em encadernados de capa dura pela Suma de Letras, selo da Ed. Objetiva.

Escrito pela dupla Robin Furth e Peter David (conhecido dos leitores do Hulk, assinou a melhor fase do gigante verde), a HQ tem arte de dois extraordinários artistas: o desenhista Jae Lee (da série Inumanos) e o colorista Richard Isanove.

Senhor das Torres

Torre Negra é uma obra incomum na carreira de King. É uma extensa e complexa narrativa que mistura Senhor dos Aneis com terror (claro), ficção científica pós-apocalíptica, western, intriga política e romance. Uma tremenda salada à la King.

O “Frodo” aqui é Rolland Deschain, ou O Pistoleiro, um arquétipo de herói solitário, predestinado a libertar o mundo.

Nesta série de HQs, acompanhamos Roland na infância e juventude, em plena formação para se tornar o grande herói dos romances de King.

Em O Longo Caminho Para Casa, inadvertidamente (ou não), Furth e David evidenciam ainda mais as semelhanças com Senhor dos Aneis: em uma longa jornada por territórios inóspitos, Roland e dois companheiros de fidelidade canina, Alain Johns e Cuthbert Allgood, buscam a tal Torre Negra entre mil perigos e tentações.

Divertido – e também muito derivativo.

O Longo caminho Para Casa / Peter David, Robin Furth, Jae Lee e Richard Isanove / Suma de Letras / 136 p. / R$ 59,90 / www.objetiva.com.br

45 comentários:

Franchico disse...

Informação importante: o disquinho solo de Tiaguinho Aziz está à venda no local mais fácil do universo: em nossa própria "casa", o Pós Tudo!

Vejam a info, chegada agora há pouco por email:

Abrazzo/ Pedaços Coloridos (2011).
Álbum de Tiago Aziz.
Produzido por Apu Tude e Tiago Aziz.
À venda no Restaurante Póstudo (Rio Vermelho).
R$ 8 (Procurar Aragão)

Porra, mais fácil que isso, impossível. É só mandar incluir na conta! ;-)

Abaixo, link para materinha que fiz sobre o disco, em abril último:

http://rockloco.blogspot.com/2011/04/tiago-aziz-solo-with-little-help-from.html#comments

Anônimo disse...

tiago disse que estava ouvindo aquela banda antiga de charlie garcia que o teria influenciado nesse trabalho e isso só pode ser coisa...vou comprar!
tiago no baixo tem o groove de glenn hughes, mas nunca ouvi a voz do rapaz cantando porque na lisergia eu não consigo me lembrar dos shows que vi e no cascadura a voz de fábio encobre tudo e parecia que ele e nariga faziam backing vocals de microfone desligado...hehehehehehe.....
cláudio moreira

cebola disse...

Chicus, depois eu explicus. Se não mando spoiler. Mas agarantchu: O que parece ser derivativo é parte de um todo. Senhor dos Aneis só chega a ser mera citação. Eu li esta bagaça completa e se o filme ou os quadrinhos nela baseado (ooopzz) deixam transparecer este aspecto é culpa da incompetência de quem a transpôs, não de mr. King. Sete homens e um destino, e a hora do lobisomen só pra deixar claro. Mas não me deixe continuar pois posso estragar tudo. Mr. Roland Deschain possui vida própria, a comparação com mr. Frodo não procede. A não ser que achatemos o universo. Se quiser, posso tentar, sem destruir, fazer uma descrição resenhística da obra. Maas, por Tutatis, não reproduza esta simplificação desinformada e não lida da Torre Negra. Ou reproduza sim, quem sou eu??!

Anônimo disse...

"isso só pode ser coisa boa", completando
cláudio moreira

cebola disse...

Ou...Orelha não vale.

Franchico disse...

Cebolaitos, se tem uma pessoa nesse mundo que tem todo direito de puxar minha orelha, é você. Em se tratando dessa obra monumental que não li (acho que tb não pretendo) esse direito inclui surra de cansanção e a porra.

Bom, seguinte: só li esses prelúdios em quadrinhos escritos por terceiros (Robin Furth) e quartos (Peter David). Minha avaliação morre aí, nesta história em quadrinhos.

E, especialmente neste volume, O LOngo Caminho Pra Casa, senti muitas semelhanças com a jornada de Frodo, Pippin e aquele outro que esqueci o nome em Senhor dos Aneis. É um herói e dois amigos atravessando um terreno nada amigável, em busca de um objetivo, enfrentando vários iniigos que vão surgindo.

Em nenhum momento, avaliei a obra de King, que, como já disse, não li (até por que seria muita leviandade de minha parte escrever sobre uma obra tão extensa em um texto tão curto).

Expricado? Avaliei o que li (e li mesmo): no caso, essa HQ.

cebola disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
cebola disse...

Sim, Chicvs! Não o estou recriminando. Longe disso. Por exemplo, se os quadrinhos se baseassem em uma outra determinada história, qualquer um poderia dizer que seria derivada de Sete homens e um destino...E assim por diante. Ainda meto um spoiler aqui...me segurem...Mas, quem vai se importar? :(

Franchico disse...

Cebola, mais uma vez: meu "derivativo" se referiu à HQ de Furth e David. Entendeu? À HQ, não aos livros de King. Eu não avaliei os livros, por que não li. Avaliei a HQ, por que li. Ponto.

cebola disse...

Hehehe...Mexeu com maluco....Só retirei o coment acima porque escrever "mexeu" com "ch" merece surra de urtiga, isso sim!! Já entendi man. Mas é como dizer que o Thin Lizzy é uma merda pra Claudio Esc!! Imagine!!

cebola disse...

E relaxx. No fim das contas, importante mesmo é esperar o proximo episódio de Family Guy em um domingo de ressaca. O resto passa...

Franchico disse...

Jesus! Me chicoteia! Eu mereço!

cebola disse...

Você se refere aos Reid brothers, ou ao filho do Cara?

Anônimo disse...

Thin Lizzy foi uma banda de hard rock que sobreviveu ao tempo...seus discos foram mal produzidos para tamanha qualidade das suas canções, mas estão sendo remixados e remasterizados...sei os pontos mais fracos da banda, mas quem é fã de verdade é assim: não idolatra, entende a obra como um todo numa relação dialética de fruição...é que nem amizade: uma balança com saldo positivo da qualidade sobre os defeitos do amigo, mas sem desconsiderar os últimos porque senão vira bajulação...cebola, qdo será a festa de reinauguração do apê reformado? estou comprando já o estoque de neosaldina..hehehehehe....
cláudio moreira

Franchico disse...

Putz! Só agora a ficha caiu! É o filho do Cara, mesmo!

Reid brothers...

Márcio A Martinez disse...

Quaaaaquaquaquaaa!!!! "Mecheu" com outro maluco! Foi Thin Lizzy pra tudo quanto é canto! ouips!

Sou mais de fazer um fréshbeck no open house do apê novo de Sérjo chamando tooooda aquela turma de dantes (sim, aquela do inferno mesmo!). Aí eu quero ver... huhuhuuuu...

cebola disse...

Breve man, beeeem breve agora.

cebola disse...

Quem-é-doido?

cebola disse...

Acho que vou fazer esta reinauguração no Pós-tudo...conhecem?

Franchico disse...

Soube que é um bar novo que abriu ali no Rio Vermelho.. Perto da Dinha, sabe? Ali, naquele shoppingzinho! Isso, perto de Cira, daquela banca de revista ali! Porra, entra no google maps que vc encontra!

(Meu deus, acho que eu nunca vou me cansar dessa piada interna...)

Franchico disse...

Já ouviram uma cantora nova chamada Anna Calvi?

Não? Azar de vocês!

Rááááááá!!!!!!!!!!!!!

Franchico disse...

O google hj tá com uma homenagem sensacional ao Les Paul. O logo virou uma guitarra estilizada, e quando vc passa o cursor pelas cordas, elas soam, como se vc estivesse palhetando.

teclas pretas disse...

chicão, se você passar o cursor nas cordas do meio, depois nas da direita e depois nas da esquerda fica bonito pra caramba...les paul é o cara.

sharon jones no jô ontem foi um estouro. esse show vai ser do balacobaco. ainda encontra ingresso do mais barato?

GLAUBERON JONES

teclas pretas disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
teclas pretas disse...

anna cantando "jezebel", uma música das antiga que eu adoro.

http://www.youtube.com/watch?v=iMtz1d0ruAk

muito bom!
G.

Franchico disse...

Glauber, tente ouvior Blackout, The Devil e Suzanne and I. É de arrepiar. Aliás, baixe o disco todo e ouça. É lindo.

O ingresso mais barato para o show de Sharon é R$ 80 (a inteira), das filas Z, aquelas que ficam a partir da entrada da sala para cima. Compramos da fila Z2. Dá p/ ver direitinho - e fora que, dependendo do movimento, eu não pretendo assistir ese show sentado, não, véio. NÃO MESMO!

Franchico disse...

Essa música, Jezebel, foi o primeiro single dela. É um standard de Edith Piaf. Ficou bonito mesmo, mas acabou que nem entrou no disco. Pena, mas faz sentido, já que todas as faixas são de autoria da própria Anna.

Márcio A Martinez disse...

Dá pra ver direitinho é o c******!!! Fui num show de Nei Matogrosso (uiiii) e ficamos por ali na Z-alguma-coisa e parecia que o cara era um playmobil de tão longe a vista...
Nosotros vamos ficar é na C-alguma-coisa, vamos ver até o útero em fúria de Mrs. Jones!
Yeah!!!

Franchico disse...

Já 300 shows nas filas Z do TCA e vi e ouvi tudo.

Franchico disse...

Aliás, o TCA é conhecido como um dos melhores teatros do país justamente por isso: pela engenharia e acústica perfeita. Mas enfim, nem tinha mais ingresso para essas filas mais a frente qdo fomos comprar...

Márcio A Martinez disse...

Não mencionei "OUVIR", Chico, nisso aí o TCA é perfeito, não tenho dúvida, mas ver? Bem, que dá, dá, mas é um tantinho longe... enfim, o show vai ser tão explosivo que até de fora a gente curtiria! rsrs...

teclas pretas disse...

tem uma versão de jezebel do rev. horton heat que é sensacional

http://www.youtube.com/watch?v=2-Zh0FlnyFk

rapaz, a música que sharon jones tocou no programa do jô é simplesmente perfeita!
GLAUBEROVSKY

teclas pretas disse...

a versão de estúdio. sinta a excelência

http://www.youtube.com/watch?v=X3H3sxY6CwU&feature=related

G.

Anônimo disse...

chico, fiquei sabendo que vc vai para a Itália...boa viagem!
cláudio moreira

Franchico disse...

Bota na rádia, Claudio Esc!

Obrigado, de qualquer jeito...

Franchico disse...

Erasmo Carlos lançou há uns dois anos, um disco (muito bom, eu soube) chamado Rock 'n' Roll.

Há poucos dias, recebi um release dizendo que ele estava preparando o lançamento de um novo álbum, chamado Sexo.

Legal, mas e o próximo, será que vai se chamar Drogas? Sabe como é, só para fechar a trilogia?

Franchico disse...

DUUUHHH!!!!

Nei Bahia disse...

Chicão ....
Márcio só vai a show bemmmmmmmmm pertinho....é o mal da idade!!!!

Franchico disse...

Porra, Nei! Agora vc sacaneou com o pai do Marcelo! Matou o home! :-)

Jacques disse...

Curto o trabalho do Peter David desde os tempos em que ele escrevia o Hulk.
Ainda não li esta série, que parece ser bem interessante.
Valeu.

Anônimo disse...

esse comentário seu chico...vc está irreconhecível!!! está viajando escondido por acaso?
cláudio moreira

Franchico disse...

Valeu, Jacques! Também sou fanzão da fase do David no Hulk, nunca superada por nenhum outro autor. Volte siempre, muchacho!

Sim, Cláudio! Estou viajando escondido! Depois que o STF mandou liberar o Batistti, a gente nunca sabe.... Olha os arapongas, ssshhh...

cebola disse...

Não contem a ninguém, mas estou viajando escondido também...

Anônimo disse...

Fala aí Chico! Tô dando um passeio por aqui. :)

Brother, tô resenhando o terceiro volume da série pro Fanboy - Dark Tower: Treachery (as edições mensais da Panini), passa lá. rsrs...

De boa? Acho um trabalho sensacional do PAD com a Robin Furth. Além disso, a arte do Jae Lee e a pintura do Isanove são de cair o queixo. Narrativa visual lenta e densa, na medida da série.

Quando eu leio sobre o Pistoleiro, não penso no Clint, e sim no Jodorowsky em "El Topo". hahaha...

Abração!

Wendell disse...

POW! Acho que não assinei a mensagem! rsrs